Dieta da Proteína ou Proteína na Dieta? - Negócio MMN | Negócio MMN

Dieta da Proteína ou Proteína na Dieta?

2 Flares 2 Flares ×

A Dieta da Proteína Funciona?

dieta proteínaTalvez você já tenha ouvido falar em uma famosa dieta criada pelo cardiologista americano Dr. Robert Atkins: a Dieta da Proteína.

Essa dieta propõe a exclusão quase completa de carboidratos de todas as refeições, dando lugar ao consumo de proteínas como carnes, aves, peixes, ovos, bacon, embutidos e queijos amarelos.

Falando de forma resumida, a Dieta da Proteína se baseia no fato de que nosso corpo usa os carboidratos que ingerimos (massas, doces e algumas frutas, leguminosas e tubérculos) como fonte de energia.

A partir do momento em que essa fonte de energia é cortada, o corpo reage fazendo adaptações no seu próprio metabolismo, ou seja, buscando dentro dele mesmo, em suas células de gordura armazenadas, a sua nova fonte de energia.

Sua proposta é a de um emagrecimento rápido e sem passar fome.

Isso até ocorre, e algumas pessoas alcançam incríveis resultados como a perda de até 7 kg em um mês.

Mas segundo especialistas, os riscos da Dieta da Proteína sugerida pelo Dr. Atkins superam seus benefícios e existem outras formas simples para emagrecer.

Entenda os Riscos da Dieta da Proteína

Em primeiro lugar, a Dieta da Proteína não promove a reeducação alimentar.

Saem de cena alimentos importantes e ricos em vitaminas como frutas em geral, arroz, milho, batata, beterraba, mandioquinha, nabo, rabanete e cenoura.

Isso acaba promovendo um desequilíbrio nutricional e traz prejuízos à saúde.

Existem outros riscos a destacar:

Corpo Humano1) O cérebro precisa de glicose. Então a falta de carboidratos pode provocar sono, tremores, tonturas, desmaios e problemas de humor e concentração.

2) O alto consumo de carnes e derivados pode elevar as taxas de colesterol no sangue.

3) Sobrecarrega os rins, pois a gordura do organismo (corpos cetônicos) será eliminada pela urina.

4) Pelo baixo consumo de fibras pode provocar prisão de ventre e doenças no intestino.

5) A pessoa passa a sofrer de mau-hálito.

Outro problema da Dieta da Proteína é que por ser extremamente restritiva, o corpo não consegue realizá-la por muito tempo. Inclusive isso não é recomendado.

Nesse caso, o efeito sanfona é quase certo, pois ao finalizar o regime, dificilmente a perda de peso será mantida com os carboidratos sendo reintroduzidos na alimentação.

Mas se a Dieta da Proteína, não é recomendada, existe algum meio de se utilizar a Proteína na Dieta de forma saudável para perder peso e ganhar massa muscular? 

Sim! Existe. Entenda melhor as funções da proteína e quais são as diferenças entre as fontes animal e vegetal.

As Funções da Proteína

A proteína é o principal componente na estrutura do nosso corpo.

Ela está presente em todos os músculos, órgãos, glândulas e tecidos.

Cada célula e todos os fluídos corporais, com exceção da bile e da urina, contém proteína.

Por fazer parte de todo o corpo, ela tem um papel fundamental em nosso organismo, pois age na reparação e construção de músculos, ossos, pele, tendões, ligamentos, órgãos internos e sangue.

Além disso, as enzimas, anticorpos e hormônios responsáveis por equilibrar as reações químicas do organismo são feitos de proteína.

Sua origem pode ser animal ou vegetal, vindo de grãos e algumas frutas ricas em proteínas.

Enquanto a proteína animal é mais indicada para o crescimento e desenvolvimento celular, a vegetal, vindo de grão e frutas, é mais nutritiva e possui baixo valor calórico.

Além disso, a proteína vegetal possui a vantagem de conter um elevado teor de fibras alimentares e ser uma boa fonte de Ômega 3 e Ômega 6, que são gorduras benéficas ao corpo.

Proteína Vegetal Emagrece

Ginsatica-musculacao2Você pode apostar nesse nutriente para perder quilos extras.

Está provado que a proteína vegetal (soja, feijão, lentilha, grão-de-bico, ervilha, castanhas) emagrece, pois além de promover a mesma sensação de saciedade que a proteína animal, possui uma baixa quantidade de gordura.

A proteína vegetal também pode ser consumida após um treino de musculação ou alguma atividade física, pois auxilia na recuperação das fibras musculares que foram danificadas durante o exercício.

Mas atenção! A maioria das pessoas acredita que o elevado consumo de proteínas durante um período de exercício físico “alimenta” os músculos, provocando a hipertrofia muscular.

Isso é verdade em partes.

Antes de mais nada, a proteína para a hipertrofia muscular só tem efeito APÓS o exercício e não ANTES ou DURANTE.

Outro detalhe, em caso de atividade física, nosso corpo precisa de carboidratos ANTES do treino, pois é a glicose produzida pelo carboidrato que transporta a proteína para dentro das células dos músculos.

protena-vegetalAssim, dietas restritivas de carboidratos como o caso da Dieta da Proteína fazem com que seu corpo perca massa muscular e não ganhe.

Portanto, para a perda de peso e aumento da massa magra (músculos no lugar de gordura) de forma saudável, o ideal mesmo é que não se adote qualquer dieta radical que possa comprometer o bom funcionamento do organismo.

A alimentação deve incluir o consumo de frutas, legumes, verduras e cereais. Evite frituras, condimentos muito fortes, doces e refrigerantes.

E coma carboidratos e proteínas diariamente, porém em pequenas porções.

O exercício físico deve ser feito revezando atividades aeróbicas (corrida, caminhada) com a prática da musculação.

Para você obter os melhores resultados em termos de saúde, condicionamento físico e ganho de massa magra aposte no consumo de:

* Uma BARRA DE CEREAIS NUTRIBARRAS antes do seu treino e

* Uma medida de PROTEÍNA VEGETAL EM PÓ NUTRILITE, misturada ao suco de sua preferência, logo após o seu exercício.

A PROTEÍNA VEGETAL EM PÓ NUTRILITE é um suplemento proteíco que combina os nutrientes e benefícios da soja, trigo e ervilha. Possui alto valor nutricional, fornece todos os aminoácidos essenciais, é pobre em gorduras e é isenta de lactose. Tem sabor neutro e é solúvel em líquidos como água, sucos e sopas.

Ponha de lado a ideia de excluir os carboidratos da sua alimentação, adotando a Dieta da Proteína. Mas pelo bem da sua saúde, inclua a Proteína na sua dieta.

Quer Conhecer a Proteína Vegetal da NUTRILITE? Clique AQUI!

Artigos Relacionados e Leitura Sugerida:

Gostou? Compartilhe o nosso artigo nas Redes Sociais.

Leitura Sugerida

Publicado por: Patrizia Ferreira

Compartilhe

Envie um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

2 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 2 LinkedIn 0 2 Flares ×
2 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 2 LinkedIn 0 2 Flares ×
SiteLock